6 erros dos treinos de hipertrofia nas academias que você deve evitar!

Frequentar a academia é muito importante para o condicionamento físico e bem estar por completo e já quero iniciar esse artigo adiantando que você está em uma situação muito melhor do que as maiorias das pessoas que apenas se matriculam e não criam uma frequência correta que gere resultados satisfatórios ;). Entretanto, por mais que você compareça e treine, alguns erros podem passar despercebidos e você pode acabar se acostumando a executar os exercícios de forma errada. Isso pode gerar problemas de saúde, incluindo lesões. Por esse motivo, o Dr. Rogério Barros, nutricionista e personal trainer do Instituto PERFACE, explica quais são os principais equívocos que você deve evitar nos treinos de hipertrofia para que o seu desempenho seja otimizado e que você mantenha o seu condicionamento sem comprometer a sua saúde.

O esforço em ir às academias e treinar rotineiramente é realmente recompensador, mas de nada adianta se você tem gás o suficiente para aguentar a malhação, mas executa as séries de forma errada. Nós tendemos a seguir modinhas e costumes que são passados de forma tácita à nossa programação neural e é preciso desmitificar certas questões para que o seu treino te proporcione os melhores resultados possíveis. Portanto, preste atenção aos seguintes erros muito comuns em treinos de hipertrofia nas academias e fuja das lesões e comprometimentos da sua saúde já!

Não esquentar!

Você acabou de sair da cama ou recém chegou do trabalho e se motivou a treinar, certo? Só não se esqueça que seu corpo está “frio” demais para começar o trabalho de hipertrofia. O ideal é que você corra 5 minutos na esteira para que toda a musculatura já passe pelo aquecimento necessário e com isso a oxigenação dos músculos seja garantida para as atividades posteriores que exigirão ainda mais deles.

Não focar no desenvolvimento dos exercícios!

O desenvolvimento dos exercícios não só de hipertrofia envolvem amplitude, postura, respiração e a carga. Não adianta nada você focar em aumentar os pesos desenfreadamente se os outros quesitos estão sendo jogados de lado, principalmente quando se refere à amplitude. Muitas pessoas acham que por exagerarem nos pesos podem cumprir com os exercícios de forma minimizada e encurtada. Lembre-se de utilizar a carga correta para que a quantidade de repetições seja concluída sem ser leve e confortável demais ou sem sobrecarregar e prejudicar o desenvolvimento correto do exercício, certo?

Não respirar corretamente!

Brinco em dizer que o desenvolvimento dos exercícios de hipertrofia deve ser cadenciado como os passos de uma coreografia de dança. E para a execução correta, você também precisa se atentar a sua respiração. Muitas pessoas, sem perceber, acostumam-se a ficar em apneia e, com isso, a circulação sanguínea aumenta causando mal estar como tonturas e até mesmo enjôos. Respire normalmente!

Não se alimentar corretamente antes dos treinos!

Os enjôos que falamos anteriormente também podem ser causados por uma alimentação desregrada e nada funcional para as suas atividades físicas. Muitas pessoas acham que refeições enormes são garantia de estoque de energia para os treinos de hipertrofia e isso só vai prejudicar a sua performance. O ideal é priorizar alimentos ricos em carboidratos de absorção rápida para que os músculos consumam a energia de sua metabolização sem demandar demais da digestão. O contrário também deve ser evitado: não vá malhar de barriga vazia depois de enfrentar grandes turnos sem se alimentar adequadamente, ok?

Não respeitar os intervalos!

Já falamos bastante sobre o intervalo ideal para a sua série de exercícios de hipertrofia, lembra? Não saia desembestado executando todos os exercícios de uma vez sem descansar porque isso exigirá demais da sua musculatura, esgotando totalmente a sua energia para a conclusão e resultado do treino total. O oposto também deve ser prevenido, pois descansos acima de 90 segundos podem ser demais dependendo do exercício.

Utilizar os mesmos treinos!

Variar é fundamental! Não permaneça com treinos de hipertrofia que durem mais de 2 meses, pois além de a sua musculatura já ter se acostumado com os exercícios, você também pode se desmotivar com a mesmice e com a falta de resultados.

Curtiu? Lembre-se que você está de parabéns em frequentar uma academia e que o seu treino rotineiro é um exemplo para muitos outros. Só estamos dando essas dicas para que você tenha resultados ainda melhores! E se você ainda não estiver satisfeito, siga mais dicas no nosso site e entre em contato com o Instituto PERFACE para agendar uma consulta com a nossa equipe de personal trainer e de nutrição para que o seu desempenho seja esplêndido! Revele a sua atitude e se supere a cada dia!

Saiba mais sobre